CONSELHO DIRETIVO DISCUTE PLANO DE AÇÃO CONTRA A PRIVATIZAÇÃO

A diretoria do Sindimetrô/RS reuniu o seu Conselho de Representantes na manhã desta sexta-feira, 06. O debate acerca da privatização da Trensurb marcou o encontro.

Foi sugerido que o sindicato intensifique o contato com a categoria e com os usuários e busque apoio contrário à privatização junto às câmaras de vereadores da região diretamente atingida pela linha, bem como da Assembleia Legislativa e do Congresso Federal.

Uma assembleia geral, com data ainda a ser definida, será realizada para que a categoria possa contribuir e deliberar sobre as propostas.

O Conselho ainda debateu sobre a participação da categoria na manifestação em defesa da educação pública, da Amazônia e dos empregos, marcada para este sábado (07), às 15h, na Redenção.

DERROTAR O PROJETO DE BOLSONARO NAS RUAS!

image-3104

image-3105

DECRETO CONFIRMA INCLUSÃO DA TRENSURB NA LISTA DE PRIVATIZAÇÕES

Para aqueles que ainda duvidavam, o governo Bolsonaro confirmou na terça-feira, 03, a inclusão da Trensurb na lista de privatizações do Programa Nacional de Desestatização.

Publicado no Diário Oficial da União, o Decreto presidencial nº 9.998 marca o começo da contagem regressiva para a venda da empresa. Esse alerta vem sendo feito há tempos pela direção do Sindimetrô/RS.

Na lista de entrega do patrimônio público para a iniciativa privada ainda constam CBTU, Serpro, Correios, DataPrev, Ceitec, entre outras.

A privatização significa aumento na tarifa, trens lotados e mais acidentes. No entanto, ainda há tempo de lutar contra mais esse retrocesso. Não deixaremos chegar no fim da linha! A Trensurb é do povo gaúcho!

image-3101

SINDIMETRÔ/RS LEVA DENÚNCIAS AO MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL

image-3093

Diretores do Sindicato dos Metroviários do Rio Grande do Sul (Sindimetrô/RS), acompanhados da assessoria jurídica da entidade, se reuniram na segunda-feira, 26, com o procurador do Ministério Público Federal em Novo Hamburgo, Celso Tres.

Uma série de denúncias relacionadas às condições de trabalho e aos prejuízos aos cofres públicos foram apresentadas à Justiça Federal, dentre elas: irregularidades em licitações feitas pela Trensurb; distorções salariais praticadas pela empresa; serviço de bilhetagem eletrônica; e a operação especial em dias de jogos de futebol. Também foi cobrado o cumprimento da ação civil do Ministério Público do Trabalho (MPT) com relação à segurança metroviária.

METROVIÁRIOS DIALOGAM COM A POPULAÇÃO NA EXPOINTER

O Sindimetrô/RS dialogou durante o final de semana com frequentadores da 42ª edição da Expointer. Os metroviários retornarão ao espaço, montado ao pé da passarela da Estação Esteio, nos próximos dias.

Um kit com material de divulgação foi entregue à população. Também foi distribuída uma edição especial do jornal do sindicato, que destaca dois ataques do governo Bolsonaro aos trabalhadores: o anúncio de privatização da Trensurb e a reforma da Previdência.

“É um espaço que o sindicato faz questão de ocupar, pois permite dialogar com uma quantidade muito grande de pessoas, a maioria usuários frequentes do trem”, enfatiza o presidente do Sindimetrô/RS, Luis Henrique Chagas.

image-3088

image-3089

image-3090

ESPECIAL EXPOINTER: JORNAL DO SINDICATO SERÁ DISTRIBUÍDO À POPULAÇÃO

Edição especial do jornal do Sindimetrô/RS circula a partir desta sexta-feira, 23, nas estações e demais dependências da Trensurb e nas redes sociais do sindicato.

Com destaque para as discussões acerca da privatização da empresa e da reforma da Previdência, o informativo será distribuído nos dois próximos finas de semana em estande organizado pelo sindicato junto à passarela de acesso ao Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio.

Com isso, o Sindimetrô/RS reforça o diálogo com os usuários do trem e a população em geral na defesa de uma Trensurb pública, com tarifa acessível e com a prestação de um serviço de qualidade.

Confira o informativo CLICANDO AQUI.