Os metroviários do Rio Grande do Sul entregaram, no final da manhã desta sexta-feira, 15, a pauta de reivindicações da Campanha Salarial Unificada. O documento foi protocolado e entregue à presidência da Trensurb pelos dirigentes de quatro sindicatos com base na categoria (Sindimetrô/RS, Senge/RS, Sintec-RS e Sindaergs).

No ato de entrega foi destacada a importância de o processo de negociação estar concluído até o dia 1º de maio e que as cláusulas sociais sejam assinadas o mais breve possível. O presidente da empresa, David Borille, ao receber a pauta, ressaltou que nomeará uma comissão para discutir as reivindicações com as representações sindicais.

O presidente do Sindimentrô/RS, Luis Henrique Chagas, falou sobre a importância da campanha deste ano ser desenvolvida de forma unificada. “Essa unidade construída é muito importante para que a categoria consiga ter as suas reivindicações atendidas num prazo mais curto de tempo”, destacou o sindicalista.

Outro ponto abordado durante o ato de entrega foi a necessidade de a Trensurb ser mantida como empresa pública e prestadora de um serviço de qualidade à população usuária. A unidade presente na Campanha Salarial também será mantida na luta contra a intenção do governo federal de privatizar a empresa.

Confira, no link abaixo, a pauta de reivindicações.
Pauta de Reivindicações da Campanha Salarial Unificada

image-2852

image-2853

image-2854

image-2855